Vereador Raphael Rios é o novo presidente da Câmara Municipal

A Câmara Municipal de Araxá promoveu sessão solene de instalação da legislatura dos vereadores, prefeito e vice eleitos em 2020, bem como eleição e posse da Mesa Diretora para o biênio 2021/2022. Em razão da pandemia e em respeito às deliberações do Comitê de Enfrentamento à Covid-19, a cerimônia não foi aberta ao público, mas foi transmitida ao vivo no Canal da Câmara no YouTube.

 

Seguindo o regimento interno do Legislativo Araxaense, a reunião foi dirigida inicialmente pelo vereador mais votado no último pleito, Raphael Rios. A mesa também foi composta pelo secretário por ele designado, vereador Pastor Moacir.

 

Em votação nominal e aberta, Raphael foi eleito o novo presidente da Câmara Municipal. Também foram eleitas para a Mesa Diretora as vereadoras Fernanda Castelha (Vice-Presidente), Maristela Dutra (primeira secretária) e Professora Leni (segunda secretária). “Agradeço aos colegas desta Casa, e teremos tempo suficiente para trabalhar e entregar para a comunidade de Araxá aquilo que eles confiaram em nossos nomes”, afirmou Raphael Rios.

 

Discursando em nome dos demais parlamentares, Maristela Dutra disse que a política deve buscar o consenso para a convivência pacífica em comunidade, visando o interesse público e a paz social.

 

 

Vereadores Empossados

 

Raphael Rios (Cidadania) – 2.051 votos – 3,82%; Fernanda Castelha (PMN) – 1.284 votos – 2,39%; Bosco Junior (Avante) – 1.213 votos – 2,26%; Valtinho da Farmácia (PP) – 1.051 votos – 1,96%; Wellington da Bit (PSD) – 954 votos – 1,78%; Dr Zidane (PP) – 929 votos – 1,73%; Dirley da Escolinha (PROS) – 865 votos – 1,61%; Alexandre Irmãos Paula (PL) – 824 votos – 1,53%; Pastor Moacir Santos (Republicanos) – 787 votos – 1,47%; Luiz Carlos (PSL) – 758 votos – 1,41%; Joao Veras (PSD) – 748 votos – 1,39%; Wagner Cruz (DEM) – 737 votos – 1,37%; Professora Leni Nobre (PT) – 480 votos – 0,89%; Evaldo do Ferrocarril (PV) – 469 votos – 0,87%; Maristela Dutra (Patriota) – 394 votos – 0,73%.

This entry was posted in Cidade, Política. Bookmark the permalink.

Comments are closed.