Coluna Nilton Ribeiro – Andador: ajuda ou prejudica?!

Apesar de aparentemente inofensivo, os andadores para bebês são desaconselhados e desnecessários porque eles podem atrasar o desenvolvimento motor normal da criança, fazendo-a até mesmo andar mais tarde, podendo também prejudicar o seu desenvolvimento intelectual. A criança deve passar por todas as fases do desenvolvimento motor até aprender a andar sozinha.

 

O bebê no andador adota uma postura incorreta, podendo provocar no futuro, má postura, problemas na coluna ou até ao andar. O bebê que utiliza o andador, tem um maior risco de cair por tropeçar no tapete, nas cadeiras e nos próprios brinquedos espalhados pelo chão ou de cair das escadas, porque o andador atinge uma maior velocidade, dificultando que os pais alcancem o andador a tempo de o parar.

 

Por estas razões, o andador infantil não é recomendado, sendo que ele só é indicado para crianças com problemas neurológicos, mas mesmo assim, um ortopedista ou fisioterapeuta deverão indicar o equipamento mais adequado para a altura e o peso da criança.

 

O bebê que fica preso no andador não consegue explorar tanto o ambiente à sua volta como as que estão livres no chão.

 

Portanto, o andador é prejudicial à saúde da criança.

 

 

Nilton Ribeiro Júnior

Fisioterapeuta no CER – APAE

Fisioterapeuta no CRI – Santa Casa

Fisioterapeuta na Clínica Anjos que Cuidam

This entry was posted in +, Nilton Ribeiro. Bookmark the permalink.

Comments are closed.