Robson Magela cobra Prefeitura sobre água fornecida para a Boca da Mata

Ao usar a tribuna na reunião ordinária da Câmara Municipal da última terça-feira, 20 de agosto, o vereador Robson Magela voltou a falar sobre a situação dos moradores da comunidade da Boca da Mata, localizada na zona rural de Araxá. A bomba de abastecimento de água da localidade está estragada novamente. Os moradores procuraram o vereador para reclamar da água que está sendo levada pela Prefeitura de Araxá para abastecer a comunidade.

 

Robson mostrou aos demais vereadores e ao público presente no plenário do Legislativo uma amostra da água fornecida pela Prefeitura aos moradores da Boca da Mata. A amostra foi entregue ao vereador pelos próprios moradores. “A bomba que abastece a Boca da Mata estragou há mais de um mês e desde então a Prefeitura está fornecendo a água, que é levada por um caminhão pipa. Essa água tem uma coloração amarelada e possui mau cheiro”, disse o parlamentar.

 

O vereador explicou que a Copasa garante a qualidade da água até o ponto de abastecimento do caminhão pipa da Prefeitura. “O problema é que esse caminhão pipa também pega água em represas e córregos para lavar praças e molhar os jardins da cidade. Portanto, a água que está sendo entregue pela Prefeitura aos moradores da Boca da Mata está se misturando com outras e não é própria para o consumo humano”, alertou o Robson.

 

O parlamentar cobrou que a Prefeitura tome as providências necessárias para que a comunidade da Boca da Mata receba água própria para consumo. “É preciso resolver o problema dessa bomba que vive estragada. Por que a Prefeitura não compra uma bomba reserva? É lamentável a maneira como a Administração Municipal trata a comunidade da Boca da Mata. Os moradores estão esquecidos. Mas quando chegar 2020, que é ano eleitoral, o pessoal da Prefeitura vai lá jogar uma lama asfáltica na única rua da comunidade para depois voltar pedindo votos”, finalizou o vereador.

 

UPA

 

Robson também falou sobre um fato ocorrido na Unidade de Pronto Atendimento (UPA) no início deste mês. Ele relatou que foi procurado pela família de um rapaz que caiu após sentir-se mal e bateu a cabeça no chão. O rapaz foi levado para a UPA e, segundo os seus familiares, o médico que o atendeu não solicitou a realização de uma tomografia. O rapaz foi liberado e faleceu três dias depois. No atestado de óbito consta que a causa da morte foi parada cardíaca.

 

“A família desse rapaz está revoltada, pois entende que a morte teria sido evitada com a realização da tomografia. Eu não posso afirmar se a morte teve ou não relação com o fato dele ter batido a cabeça. Mas eu posso afirmar que é um absurdo uma pessoa bater a cabeça e ser liberado da UPA sem a realização de uma tomografia. A Secretaria de Saúde precisa apurar os fatos, pois o que aconteceu foi uma irresponsabilidade”, cobrou o vereador.

 

Moção de Congratulação

 

Robson ainda apresentou uma Moção de Congratulação e Reconhecimento para Luiz Henrique de Paiva Martins pela realização do 5º Encontro Beneficente de Carros Antigos e Rebaixados, que aconteceu em Araxá nos dias 17 e 18 deste mês. Luiz é organizador do evento que contou com 597 veículos de Araxá, Belo Horizonte, Brasília, Curitiba, Londrina, Goiânia e Espírito Santo. Cerca de duas mil pessoas estiveram no Barreiro participando do evento.

 

“As pessoas que vieram de outras cidades para participar deste evento movimentaram hotéis, bares e restaurantes de Araxá. Foram arrecadadas três toneladas e meia de alimentos durante o evento que serão entregues agora pelo Luiz Henrique para diversas entidades filantrópicas da nossa cidade”, relatou o vereador.

This entry was posted in Cidade, Destaques, Política. Bookmark the permalink.

Comments are closed.