Raphael Rios cobra informações sobre os R$ 45 milhões anunciados pelo deputado Mário Heringer para infraestrutura de Araxá

Ao usar a tribuna na reunião ordinária da Câmara Municipal realizada ontem, dia 26, o vereador Raphael Rios (SD) apresentou ofício que será enviado ao deputado federal Mário Heringer solicitando informações sobre a tramitação de R$ 45 milhões, do Ministério da Integração Nacional, que seriam destinados a Araxá. Ao levantar o assunto, Raphael foi bastante aparteado e o ofício foi assinado por todos os vereadores presentes.

 

O anúncio da verba foi feito por Mário Heringer em um vídeo divulgado na Internet em 31 de julho de 2018, e posteriormente pela Assessoria de Comunicação da Prefeitura de Araxá, em 12 de dezembro do ano passado. Naquela oportunidade, foi assinado o convênio para a liberação do recurso, com anúncio de que o valor seria investido no recapeamento de várias ruas dos bairros de Araxá e em melhorias da mobilidade urbana.

 

No vídeo divulgado no canal do deputado na internet, é informado que o valor “Está na Conta”, porém com um adendo: “valores sujeitos à liberação do Governo Federal”. Ao fazer a cobrança, Raphael lembrou que o convênio foi assinado no final da gestão do ex-presidente Michel Temer e, por não saber da atual tramitação dos recursos, não há garantias de que o presidente Jair Bolsonaro mantenha o acordo assinado pelo governo anterior.

 

“O anúncio dos R$ 45 milhões gerou uma expectativa não só na população, mas na Administração Municipal que poderá usar esse valor para obras importantes para a cidade. Ter o ofício assinado pelos colegas vereadores demonstra que a preocupação com a tramitação para a chegada deste valor ao município”, diz.

 

Ainda de acordo com o vereador, a cobrança é ainda mais importante neste momento em que a comunidade cobra obras de recapeamento em toda a cidade, o que poderia ser agilizado e estendido a vários bairros, com a chegada do recurso nos cofres do município.

This entry was posted in Cidade, Destaques, Política. Bookmark the permalink.

Comments are closed.