Vereadores apresentam projeto dos bueiros inteligentes nos novos empreendimentos imobiliários

Os vereadores Fernanda Castelha (PSL) e Robson Magela (PRB) apresentaram um projeto de lei que prevê a obrigatoriedade de implantação dos chamados bueiros inteligentes nos novos loteamentos e empreendimentos imobiliários de Araxá. A ideia, que já vem sendo testada em diversas cidades do Brasil, é uma forma de prevenir e minimizar problemas causados pelas chuvas, além de atenuar a poluição do meio ambiente.

 

A instalação de caixas coletoras de resíduos, instaladas no interior dos bueiros, permitirá a retenção de lixos que, ou são levados pelas redes pluviais, poluindo rios e córregos, ou obstruem a passagem da água por causa dos detritos, gerando uma série de problemas de ordem ambiental e social.

 

O entupimento das galerias pluviais também gera um alto custo de manutenção para o Município. Segundo Carlos Chiaradia, criador do bueiro inteligente, em São Paulo, uma operação normal de limpeza de um bueiro dura 45 minutos. Já com o filtro de lixo instalado essa operação leva, no máximo, 10 minutos.

 

O empresário criador aponta outro fator sustentável que endossa a importância do bueiro inteligente. Ele diz que 40% do lixo retido por esses bueiros são recicláveis. As cooperativas que fazem a coleta seletiva na cidade certamente seriam beneficiadas com a novidade já que é muito mais fácil fazer a seleção do material descartável neste recipiente.

 

“Esse sistema de bueiro inteligente é um dos projetos de leis mais simples que já vi e pode ser um dos métodos mais eficazes para atenuarmos desastres naturais, contribuindo para a despoluição do meio ambiente, além de reduzir os gastos com limpeza urbana municipal”, disse a vereadora Fernanda.

 

“A situação dos bueiros, em sua maioria, é grave e muito preocupante. Em Araxá não é diferente. Recentemente, já presenciamos o que as fortes chuvas são capazes de fazer. Quando acontecem de forma intensa, elas causam inundações, invadem as casas e levam prejuízos para os proprietários! Móveis, eletrodomésticos e bens de uma vida inteira podem ser perdidos, levados pela água em questão de minutos. Além dos danos materiais, a maior preocupação é com a vida das pessoas que precisam transitar pelas regiões atingidas ou que moram em áreas vulneráveis. São incalculáveis o que desastres desta proporção podem causar”, destacou a parlamentar.

 

“Logicamente, existem situações atípicas e condições climáticas totalmente adversas, mas acredito que não seja o caso de Araxá. Com implementação de medidas de segurança simples, grande parte do problema pode ser amenizado. Os Bueiros Inteligentes irão proporcionar enormes avanços e melhorias para o saneamento básico do Município, refletindo diretamente no bem-estar e segurança da população. Enfim, o meio ambiente agradece, as pessoas podem viver melhor e até a Administração Pública ganha com a instalação dos bueiros inteligentes”, disse Fernanda.

 

“A iniciativa do projeto de lei deve estar aliada a campanhas de conscientização realizadas pela Prefeitura Municipal. De nada adianta evoluirmos e apresentarmos soluções para melhorar o meio em que vivemos, se os maus hábitos persistem em ser praticados. É uma força tarefa que deve estar em sincronia com toda a cidade de Araxá: tanto a sociedade civil, como os agentes políticos são fundamentais e responsáveis para esta transformação”, finalizou a vereadora.

This entry was posted in Destaques, Opinião. Bookmark the permalink.

Comments are closed.