Livro da araxaense Sther Dias é destaque em plataforma digital

Sther Dias Damico. Foto: Divulgação.A araxaense Sther Dias Damico é presença confirmada no Fliaraxá 2018. Ela vai participar de uma mesa redonda com jovens autores sobre uma temática para despertar novos talentos. Com apenas 17 anos, a aluna do ensino médio da Escola Estadual Vasco Santos é autora do livro Uma Promessa Feita pelo “Acaso”. O livro está disponível no Wattpad, serviço que oferece acesso a uma plataforma digital com milhares de livros e contos gratuitos, reunindo uma das maiores comunidades de leitores do mundo.

 

No Wattpad, a obra da araxaense já está com mais de 114 mil leituras e integra a categoria Ficção Histórica. Sther diz que a ideia de escrever o livro surgiu há três anos, quando se interessou pela história alemã durante o período da ditadura nazista.

 

“Pesquisando sobre os campos de concentração e, principalmente, sobre a Schutzstaffel (organização paramilitar ligado ao Partido Nazista), comecei a perguntar-me se um homem que tornou-se fiel à ideologia do NSDAP poderia ser perdoado por uma pessoa que representa as maiores vítimas da ditadura vigente naqueles dias: uma judia. Assim, observando principalmente a ação de Jesus Cristo na vida de meu pai, e o perdão que minha mãe concedeu a ele, passei a acreditar peremptoriamente que qualquer homem tem a capacidade de mudar, e tornar-se um ser total e completamente novo”, diz.

 

Após o sucesso on-line, o grande objetivo de Sther agora é conseguir viabilizar a impressão do livro por uma editora.

 

Uma Promessa Feita Pelo “Acaso”

 

Na Alemanha nazista de 1943, Christopher Wolf não vê muito significado nos seus dias além de servir à Pátria Alemã e ao Führer do Reich. Sendo ele um homem sistemático, rude, insensível e com um passado que moldou o ser que ele escolheu tornar-se, Christopher é um exemplar Untersturmführer no campo de concentração de Dachau, admirado por seu Kommandant e outros oficiais.

 

Presa no gueto judeu de Cracóvia, na Polônia, Hadassa Rosenblatt vê esperança em cada detalhe do passar dos dias. Sua vida foi devastada pelos oficiais alemães durante à invasão que iniciou-se em 1° de Setembro de 1939, e tudo o que sobrou nas mãos da moça foram seus amigos e sua irmã mais nova, Leilla.

 

Tais duas personalidades completamente adversas acabam por chocarem-se quando o campo de Dachau precisa de novos trabalhadores, devido a um acidente misterioso com a antiga mão de obra. Deste marco da história até o seu fim, Christopher se vê convivendo, por iniciativa própria, com uma moça judia, que apesar de tudo o que ele é, não consegue odiá-lo cegamente. De forma simultânea, dois judeus precisam trocar as suas identidades e viver no país que os persegue, sob a guarda do melhor amigo do Kommandant Cormoran, que desconfia profundamente do tenente Christopher ao mesmo tempo que esconde um segredo tão comprometedor quanto o do rapaz.

 

O que Christopher Wolf jamais esperou era ver-se sendo lentamente moldado pelos modos e palavras de Hadassa, enquanto luta contra suas próprias convicções aprendidas desde criança e o sentimento que o obriga a pensar guiando-se pelo outro lado dos fatos. Pura obra do acaso.

This entry was posted in +, Cidade, Literatura. Bookmark the permalink.

Comments are closed.