Prefeitura convoca beneficiários para atualização do Bolsa Família

Foto: Ascom PMA.As famílias acompanhadas pela Secretaria Municipal de Saúde no Programa Bolsa Família precisam fazer pesagem de adultos e crianças. O procedimento é uma exigência do programa e em Araxá muita gente está deixando de atualizar os dados. Para ter um controle maior das informações e cumprir a meta, a pesagem que era feita a cada seis meses, será mensal.

 

De acordo com a coordenadora do Programa Bolsa Família pela Secretaria Municipal de Saúde, a nutricionista Ivna Nolli, são 2.959 famílias cadastradas e na cidade está havendo déficit no índice de pesagem. “As famílias não estão levando as crianças para serem pesadas e medidas. Assim como eles recebem o benefício, temos uma meta a ser cumprida com o governo federal. Precisamos melhorar a porcentagem de peso e medida dos atendidos que está muito baixa”, explica.

 

O programa tem que atingir 80% de crianças pesadas e medidas até o dia 22 de junho. O índice no município é de 30%.  As famílias precisam procurar as Unidades de Saúde ou de Estratégia Saúde da Família (os antigos PSFs), mais próximas de suas residências. O acompanhamento de peso e altura deve ser feito em crianças de ambos os sexos com idades que vão de 0 a 7 anos, em meninas e mulheres de 14 a 44 anos e em gestantes de 12 e 13 anos.

 

Na hora da pesagem é preciso levar o cartão de vacina das crianças e o cartão do Bolsa Família. Quem não tiver o cartão deve apresentar o Número do Identificador Social (NIS). Se as informações não forem atualizadas, as famílias terão o benefício bloqueado a partir de agosto, podendo ser excluídas do programa.  

 

Foto: Ascom PMA.A coordenadora reforça que neste primeiro semestre promoveram várias ações aos sábados. Fizeram campanha de vacinação junto com os PSFs e Unidades de Saúde pedindo que as famílias levassem as crianças para pesar, mas não conseguiram a adesão necessária. “Como a pesagem era semestral as famílias esqueciam. Muitas não acreditam que o bloqueio vá ocorrer, mas quem não tiver pesado e medido as crianças, vai ter o benefício bloqueado sim. Para que não aconteça a suspensão do repasse a gente pede que as famílias procurem as Unidades de Saúde mais próximas de suas casas e atualizem as informações”, alerta.

 

Quem tiver alguma dúvida sobre a atualização dos dados pode entrar em contato com o setor de Atenção Primária na Secretaria Municipal de Saúde pelo 99902-9145 ou no Setor de Bolsa Família da Secretaria de Ação e Promoção Social pelo 3662-5154.

This entry was posted in Cidade, Destaques, Saúde. Bookmark the permalink.

Comments are closed.