#prontofalei – Ex-delegado regional de Araxá enfrenta o coronelismo político

Dr. Cezar Felipe Colombari da Silva. Foto: Willian Tardelli.O delegado Dr. Cezar Felipe Colombari da Silva ficou em Araxá apenas dois anos e cinco meses. Tempo suficiente para marcar o seu nome na história da cidade. No comando da 2ª Delegacia Regional de Polícia Civil, ele investigou o desvio de dinheiro da Santa Casa de Misericórdia, o desvio de bens públicos pertencentes ao município e o esquema de compra e venda de apoio político na Câmara Municipal. Nove vereadores, dois ex-prefeitos, um ex-secretário municipal, um presidente de partido político e outros acusados foram presos em 2015 durante as operações comandadas pelo delegado.

 

Dr. Cezar não se destacou somente por seu incansável trabalho no combate à corrupção. Ele também comandou as investigações que resultaram na prisão dos cinco envolvidos no assassinato do casal Higor de Sousa e Rafalela D’Eluz, que chocou a cidade no ano passado. Por ser um profissional respeitado e admirado pela população araxaense, repercutiu bastante por aqui nesta semana o que está acontecendo com o delegado em Frutal, onde atualmente ele é o chefe da Delegacia Regional. Dois deputados pediram a cabeça do Dr. Cezar, pois querem vê-lo longe de Frutal.

 

O caso veio à tona no início desta semana quando um vereador de Frutal, Bruno Augusto, relatou que o deputado federal Aelton Freitas e o deputado estadual Arnaldo Silva pediram ao comando da Polícia Civil a transferência do Dr. Cezar. No fim do ano passado, logo após a eleição municipal, o delegado pediu para ser transferido de Araxá para Frutal para ficar um pouco mais próximo de sua cidade natal, que fica no Paraná. Chegando lá, ele descobriu um esquema de compra e venda de apoio político para a eleição do presidente da Câmara Municipal para o biênio 2017/2018. Foi exatamente o que ele já tinha descoberto aqui em Araxá em 2015.

 

Sete vereadores eleitos em Frutal em 2016 foram presos antes mesmo de tomarem posse e passaram o Natal e o Ano Novo atrás das grades. Sete suplentes foram empossados no dia 1º de janeiro deste ano. Seis dos vereadores presos em Frutal já foram condenados pela Justiça. Dr. Cezar também foi o responsável pela investigação de uma fraude a uma instituição bancária de Frutal que fez com que um ex-presidente da Câmara Municipal e uma servidora fossem afastados dos seus cargos pela Justiça por adulteração de provas. Por tudo isso, o delegado passou a ser persona non grata pelos políticos de Frutal.

 

Como Frutal ainda é uma cidade onde prevalece o coronelismo político, os investigados pelo Dr. Cezar se mobilizaram para tentar derrubá-lo. Foi aí que apareceram os dois deputados na história. Porém, os políticos ultrapassados da cidade do Pontal do Triângulo não contavam com o prestígio que o delegado tem em toda a região devido ao seu trabalho sério no combate a todo tipo de criminalidade. Prefeitos, vices e vereadores de todas as cidades da área de atuação da Delegacia Regional de Frutal assinaram um ofício pedindo a permanência do Dr. Cezar.

 

A prefeita, o vice e oito vereadores de Frutal não assinaram esse ofício, pois certamente são da turma dos políticos investigados pelo delegado. Sete vereadores assinaram. Os juízes e promotores de Frutal enviaram documento assinado por eles ao governador Fernando Pimentel relatando o bom trabalho que o Dr. Cezar realiza na cidade no combate à corrupção. Em Conquista, o presidente da Câmara Municipal, João Henrique Bovi, encerrou a reunião ordinária desta semana manifestando a sua indignação com a postura dos deputados que pediram a cabeça do Dr. Cezar.

 

Araxá também se manifestou a favor do Dr. Cezar. Todos os juízes e promotores de Justiça da cidade assinaram um ofício enviado ao Governo do Estado e ao comando da Polícia Civil em que atestam a lisura, correção, dedicação e zelo pela coisa pública que pautaram a gestão do delegado durante o tempo em que ele comandou a 2ª Delegacia Regional de Araxá. Eles ainda dizem no ofício que repudiam qualquer tentativa de ingerência política com a finalidade de retaliar o delegado por sua atuação em Frutal. A Câmara Municipal de Araxá também se manifestou.

 

Os vereadores Robson Magela, Ceará da Padaria e Hudson Fiúza elogiaram o trabalho realizado pelo Dr. Cezar em Araxá e criticaram o que está acontecendo com ele em Frutal. Ceará disse que se não quiserem o delegado em Frutal podem devolvê-lo para Araxá, pois a cidade precisa de profissionais como ele. Já o vereador Robson citou os nomes dos deputados Aelton e Arnaldo, lembrou que ambos tiveram votos em Araxá na última eleição e destacou que os araxaenses devem guardar bem os nomes dos dois para não desperdiçarem os seus votos com eles na eleição de 2018.

 

O que esses deputados estão tentando fazer com o Dr. Cezar é um crime contra a sociedade de bem que acredita que o combate à corrupção é essencial para o Brasil sair do atoleiro que está. Não acredito que o delegado será transferido de Frutal, pois seria péssimo para a imagem da Polícia Civil, que estaria se curvando diante da imposição de políticos que querem apenas passar um mel na boca de comparsas condenados por corrupção para ter o apoio deles na eleição do ano que vem. Os políticos brasileiros perderam a vergonha na cara há tempos e este triste episódio ilustra muito bem isso.

 

Está chegando a hora dos brasileiros mudaram a política do nosso país. Em outubro de 2018 vamos escolher os nossos governantes e representes nas casas legislativas. Temos que analisar muito bem a vida dos candidatos antes de depositarmos o nosso voto neles. Esse Aelton Freitas, por exemplo, votou a favor da reforma trabalhista e ajudou o presidente-tampão Michel Temer a escapar duas vezes das denúncias feitas pela Procuradoria-Geral da República. Não merece a reeleição. Assim como não merecem ser reeleitos todos os políticos que se acham no direito de atrapalhar um trabalho sério de combate à corrupção. #VotarParaMudar

 

Coluna #prontofalei publicada na edição nº 3686 do Correio de Araxá em 25 de novembro de 2017

 

Foto: Reprodução/Correio de Araxá.

This entry was posted in #prontofalei, Destaques. Bookmark the permalink.

Comments are closed.